17 de Agosto, 2017

Viçosa lança fórum sobre lixo e cidadania

O lançamento do fórum contou com a participação da sociedade civil e poder público de Viçosa. 

No dia 11 de agosto, sexta-feira, foi realizado no auditório do Departamento de Economia Rural da UFV, o seminário 'Desafios da coleta seletiva com a inclusão dos catadores e das catadoras', juntamente ao lançamento do Fórum Municipal Lixo e Cidadania (FMLC) de Viçosa.

O evento contou com a participação dos representantes nos níveis federal, estadual, municipal e diversas entidades públicas e privadas da região, Movimento Nacional dos Catadores de Matérias Recicláveis além da comunidade viçosense e universitária.

O Fórum já acontece em vários municípios do Brasil, e é preconizado no Fórum Nacional de Lixo & Cidadania, realizado em 1998 pela UNICEF, a erradicação da dramática situação do trabalho de crianças e adolescentes no lixo; inserir socialmente e economicamente os catadores de materiais recicláveis; mudar radicalmente a forma adotada para a destinação de lixo no Brasil dentre outras.

Em síntese, o fórum propõe um modelo de gestão dos resíduos, incorporando ampla participação dos setores da sociedade na implantação e administração dos sistemas de limpeza pública, através de parcerias, redes de solidariedade que substitua a negatividade do imaginário social em relação aos catadores pelo reconhecimento da cidadania.

Nesse sentido, a gestão de resíduos precisa de participação social efetiva para viabilizar alternativas que melhorem as condições de trabalho dos catadores e que também propiciem o melhor aproveitamento dos resíduos. Também faz parte dos objetivos do Fórum sensibilizar a população, geradora de resíduos para uma mudança de padrão de produção e consumo.

O SAAE

O Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAAE) de Viçosa, participou através da presença do setor de limpeza pública e gestão de resíduos sólidos, representado pelo diretor presidente da Autarquia, Rodrigo Bicalho.

No evento Rodrigo Bicalho entregou ao Deputado Federal Padre João (PT), em projeto que visa a construção de uma Usina de Triagem e Compostagem de resíduos sólidos (UTC), que, conforme o documento, seria instalada no espaço onde funciona o Aterro Municipal de Viçosa.

Ainda segundo o SAAE, promover a participação da sociedade civil organizada em assuntos ligados a coleta, transbordo e destinação final dos resíduos sólidos é de extrema importância, porém a sociedade precisa assumir um papel pró ativo onde todos compartilhem suas responsabilidades diante do problema enfrentado com o lixo. “A responsabilidade sobre o lixo é compartilhada com a população. Não há mínima possibilidade de resolvermos essa questão sem a participação de todos”, enfatizou Bicalho.

“Esperamos que o debate em torno do lixo não se esgote por aqui, e que todos tenham consciência da necessidade de fazer alguma coisa concreta”, afirmou Eunice Mendes de Freitas (Nicinha), Associada da ACAT.

Para dar continuidade as discussões e o trabalho de desenvolvimento da coleta seletiva em Viçosa, foram elencadas datas que irão compor a agenda do Fórum Municipal, tendo como indicativo inicial o dia 15 de setembro de 2017 para a próxima reunião, que terá como objetivo principal a estruturação do fórum, sendo a aprovação do regimento interno e a eleição de seus representantes.

Fonte: Cisab Zona da Mata

 

Última modificação em Quinta, 17 Agosto 2017 15:48
Mais nesta categoria:
ASSEMAE © 2020 | Todos os direitos reservados Desenvolvido por Trídia Criação