12 de Março, 2020

Piracicaba avança em ranking de saneamento

O município saltou do 8º lugar no ano passado para a 6ª posição do ranking em 2020. 

Piracicaba (SP) subiu duas posições no Ranking de Saneamento 2020, realizado pelo Instituto Trata Brasil, que foi divulgado nessa terça-feira (10/03). O ranking leva em conta as 100 maiores cidades brasileiras com a melhor qualidade de serviço de saneamento oferecido à população. Piracicaba ocupava o 8º no Ranking de 2019 e saltou para 6º lugar em 2020.

Para a realização do estudo, o Instituto Trata Brasil se baseia nos dados de 2018 do Sistema Nacional de Informação sobre Saneamento (SNIS), da Secretaria Nacional de Saneamento do Ministério do Desenvolvimento Regional. As informações compiladas pelo SNIS possuem dois anos de defasagem, por isso os dados utilizados neste documento são referentes ao ano de 2018. Para compor o Ranking, o Instituto Trata Brasil considera várias informações fornecidas pelas operadoras de saneamento presentes em cada um dos municípios brasileiros.Entre as variáveis estudadas estão população, fornecimento de água, coleta e tratamento de esgoto, investimentos e perdas de água. O Semae (Serviço Municipal de Água e Esgoto) recebeu nota máxima de vários indicadores, como atendimento de água, atendimento de esgoto, esgoto tratado por água consumida, novas ligações de água e novas ligações de esgoto. Das cinco cidades melhores colocadas à frente do Semae, apenas duas contam com atendimento total de água: Santos e Franca. Em atendimento total de esgoto, Piracicaba lidera com 100%.

“Estamos muito satisfeitos com a colocação do município, sabemos que trilhamos o caminho certo da universalização, todo o mérito se deve aos nossos servidores e parceiros que não poupam esforços na execução das suas funções”, afirmou o presidente do Semae, José Rubens Françoso.

O Semae continua investindo para melhorar os serviços investindo em capacitação dos servidores, concurso para aumentar o quadro de funcionários, aquisição de novos equipamentos, renovação da frota de veículos para serviços externos e licitando obras de instalação de novas adutoras. Em 2019, a autarquia assinou contrato com para realização de projetos que garantem a instalação de mais 9,9 km de adutoras. Também finalizou a implantação da adutora Unileste/Dois Córregos, com 2,6 km de extensão, que beneficia mais de 23 mil moradores, com investimento de cerca de R$ 2,8 milhões.

INVESTIMENTOS - Em dezembro de 2019, o Semae anunciou R$ 9,4 milhões em investimentos com duas novas adutoras. A primeira será a Capim Fino / Torre de TV, de 1.345 metros, de ferro fundido de 600 mm. Depois de concluída, ela garantirá mais água para 30 mil pessoas dos bairros Santa Rosa, Dois Córregos, Cecap, Unileste, Jardim Abaeté, Santa Rita, Pompeia, São Francisco, Eldorado, Nova Iguaçu, Chapadão, Peória, Tupi, Bartira, Taquaral, Unisul, entre outros. A segunda adutora será a Luiz de Queiroz, com 1.950 metros, também em ferro fundido de 500 mm. Para melhorar o abastecimento, o Semae substituirá a adutora da Estação de Tratamento de Água I Luiz de Queiroz, localizada à rua Monsenhor Manoel Francisco Rosa, seguindo pela rua Cristiano Cleopath para chegar até o reservatório da Marechal Deodoro.

Outro importante investimento da autarquia visa atender os moradores da Pauliceia. Na região será implanto um reforço na rede de abastecimento, obra que ocorrerá em duas etapas. A primeira, um reforço de 1.176 metros na rua Fernando Lopes, também em ferro fundido de 500 mm. Na segunda serão implantados mais 2.924 metros de rede, aumentando a oferta de água para a região.

Outra importante obra para a cidade será a construção de um novo reservatório elevado de água, com capacidade de 6 milhões de litros. Além disso, o Semae mantém o Plano de Combate às Perdas de Água com os Macros Setores 1, 2, 3, 4, 5 e 6, que tem como finalidade reduzir as perdas de água no sistema. Vale ressaltar que as ações do Plano Diretor de Perdas Hídricas e Comerciais foram iniciadas em 2012 pelo Semae e Concessionária Mirante, que executou a atualização do parque de hidrômetros, conforme previsto no contrato da Parceria Público-Privada (PPP).

Fonte: Semae Piracicaba

Última modificação em Quinta, 12 Março 2020 10:51
Mais nesta categoria:
ASSEMAE © 2020 | Todos os direitos reservados Desenvolvido por Trídia Criação