13 de Agosto, 2020

Samae Jaraguá executa melhorias em PEV

Ações visam otimizar o atendimento da população que busca o local para o descarte de materiais sem serventia.

Em junho deste ano, o Samae de Jaraguá do Sul (SC) assumiu a gestão do PEV (Ponto de Entrega Voluntária de Resíduos Sólidos). A partir dali várias ações já foram tomadas pela Coordenadoria de Resíduos Sólidos do Samae para melhorar ainda mais o atendimento aos munícipes que buscam o local para o descarte de materiais considerados sem serventia.

Logo ao assumir a gestão, a primeira iniciativa foi o recolhimento e destinação dos materiais depositados até então naquela local. De acordo com a gerente de Resíduos Sólidos, Morgana Decker, havia cerca de 55 toneladas de volumosos, incluindo sofás, colchões, camas e outros moveis de grande porte. “Também foram coletadas várias toneladas de madeira, incluindo restos de móveis como armários, mesas, cadeiras, dentre outros. Os eletrodomésticos e demais itens que podiam ser recicláveis como ferros, plásticos, vidros, dentre outros, foram coletados por cooperativa de reciclagem credenciada com o município. As coletas de itens como eletroeletrônicos, óleo de cozinha, e pneus, seguiu ocorrendo normalmente”, explica.

Além disso, aproximadamente cinco toneladas de resíduos foram destinadas ao aterro, pois correspondiam a materiais misturados, entregues no PEV, muitas vezes, em desconformidade com o regulamento, alguns em decomposição, sem condições de reaproveitamento. Também foi realizada limpeza dos gramados e áreas externas onde havia muito lixo espalhado.

Algumas ações buscando melhorar a organização estrutural do PEV também foram implementadas. Portões, palanques, escritório, banheiros e cozinha ganharam nova pintura, móveis novos para o escritório e cozinha foram adquiridos para melhorar as condições de trabalho aos servidores da autarquia que atuam naquela unidade.

Investimentos também foram feitos para pavimentação da entrada e das áreas de descarte dos materiais, facilitando a limpeza desses pontos e organizando as baias de armazenamento de cada material. Para controlar melhor a entrada, foi instalada uma cancela no portão principal do PEV, e câmeras de monitoramento para a segurança do local.

Outras medidas estão sendo tomadas como a sinalização interna do PEV, para facilitar a identificação das caçambas onde devem ser depositados cada tipo de materiais. A reorganização dos espaços de recebimento dos materiais e a pintura das caçambas também estão nos planos dos gestores.

A diretora presidente do Samae, Ana Carolina Silveira Figur, acrescentou que com o intuito de melhor organizar os materiais no PEV, estão sendo criados procedimentos para a entrega de resíduos no PEV, incluindo a elaboração de um regulamento de descarte de resíduos, determinando quais os que serão ou não recebidos no PEV.

Para os itens que são recebidos no PEV, está sendo realizado alinhamento com as empresas que fazem a retirada desses materiais, de modo que a organização e limpeza do local sejam respeitadas. Já para os itens que não serão recebidos, está sendo elaborado material informativo com o destino correto que os munícipes devem dar a estes materiais.

Também serão realizados treinamentos com a equipe do PEV para que todos estejam preparados para atender aos munícipes que forem descartar os seus resíduos.

Fonte: Samae Jaraguá do Sul

Última modificação em Quinta, 13 Agosto 2020 10:19
Mais nesta categoria:
ASSEMAE © 2020 | Todos os direitos reservados Desenvolvido por Trídia Criação