14 de Fevereiro, 2017

Cidade da tecnologia, Campinas sediará feira da Assemae

Serão mais de dois mil metros quadrados destinados à inovação e tecnologias para o setor de saneamento. Reserve seu estande. 

A tradicional feira anual de saneamento básico da Assemae será realizada, em 2017, na cidade que respira inovação: Campinas, localizada a 99 km do noroeste de São Paulo. O município, reconhecido internacionalmente por sua vocação tecnológica, se prepara para receber os quase 70 expositores da feira de saneamento no período de 19 a 22 de junho, como parte do 47º Congresso Nacional da Assemae.

Formada por mais de dois mil metros quadrados, a feira vai reunir o que há de mais moderno em equipamentos, processos e serviços do setor de saneamento básico. No local, as empresas expositoras poderão construir uma rede de relacionamento com gestores públicos, prefeitos, diretores de sistemas de saneamento, pesquisadores e demais profissionais que possuem poder de decisão para a implantação de tecnologias nos serviços municipais.

A seleção de Campinas para receber a feira faz parte da estratégia de sucesso do evento. Isso porque a cidade desponta como o terceiro maior polo de pesquisa e desenvolvimento brasileiro, reunindo um mercado pulsante de tecnologia e infraestrutura. Além de congregar 50 das 500 maiores companhias no mundo, Campinas se destaca pela qualidade de sua rede hoteleira, comércio, gastronomia e hospitais, bem como pela facilidade de acesso, graças ao aeroporto internacional de Viracopos e às rodovias que cortam o município.

A cidade é responsável por pelo menos 15% de toda a produção científica nacional, contando ainda com diversos atrativos turísticos, a exemplo de museus, parques e teatros. Sua população reúne mais de um milhão de habitantes, que geram o PIB (Produto Interno Bruto) de US$ 18 bilhões, conforme informações da Prefeitura Municipal de Campinas. Por tudo isso, o expositor da feira de saneamento da Assemae terá a oportunidade de agregar valor à tecnologia que oferece, participando de um evento nacional no município que fomenta o mercado de inovação.

Preparativos se intensificam

A feira de saneamento vai integrar a programação do 47º Congresso Nacional de Saneamento da Assemae, considerado um dos maiores eventos do país sobre o setor de saneamento básico. Estima-se a participação de aproximadamente três mil pessoas, superando a marca das edições anteriores.

Na semana passada, a comissão organizadora visitou as instalações do Centro de Convenções Expo D. Pedro, local que receberá o encontro da Assemae. O grupo, com larga experiência na realização de eventos nacionais, trabalha para manter a tradicional qualidade da infraestrutura do congresso, além de oferecer diferentes formatos de estandes à disposição das empresas.

Para a comercialização de estandes, o expositor interessado deve entrar em contato com a Assemae pelos telefones (61) 3322-5911 / 3325-7592, ou pelo e-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.. As novidades do congresso estão disponíveis no site www.assemae.org.br/assembleianacional.

Clique aqui para acessar a planta baixa da feira. 

Dados Gerais de Campinas

  • Uma das cidades que mais gera empregos no país.
  • A Região Metropolitana de Campinas (RMC) é o terceiro maior centro industrial do país (atrás da região metropolitana de São Paulo e Rio de Janeiro), gerando 3% do PIB brasileiro;
  • PIB de Campinas: US$ 18 bilhões;
  • População: 1.050 milhões;
  • Renda per capita: US$ 17.100;
  • 50 das 500 maiores companhias no mundo têm filiais instaladas na região metropolitana de Campinas;
  • Rede de hotéis com mais de 8.900 leitos;
  • Gastronomia variada: mais de 220 restaurantes e mais de 300 bares e locais de alimentação;
  • Mais de 6.000 eventos (corporativos, esportes, cultural) por ano;
  • 11ª cidade do Brasil no ranking da ICCA (International Convention and Conference Association);
  • Em 2011, 2.2 milhões de pessoas se hospedaram em hotéis de Campinas;
  • 1.5 milhões pessoas vieram para eventos corporativos;
  • Aeroporto Internacional de Viracopos: o maior aeroporto de carga na América Latina;
  • Passageiros: em 2009: 3.30 milhões, em 2010: 5.40 milhões, em 2011: 7.10 milhões;
  • 15% da produção científica nacional são gerados pela UNICAMP;
  • Campinas se destaca como centro industrial e tecnológico, com 20 institutos de pesquisa e tecnologia;
  • US$ 300 milhões em P & D (setor privado) na RMC;
  • 30,000 de empregos diretos na RMC;
  • 6,000 de empregos em P & D.

 

Fonte: Prefeitura de Campinas

Fotos: Arquivo Assemae e internet

Última modificação em Quarta, 22 Fevereiro 2017 15:45
Mais nesta categoria:
ASSEMAE © 2022 | Todos os direitos reservados Desenvolvido por Trídia Criação